Mais VistosTendência Agora

Viagem ao Sudeste Asiático: Os destinos principais

Referindo-se ao turismo asiático, muitas pessoas costumam pensar em países que são muito familiares, como China, Coréia do Sul, Japão, entre outros. Mas um grupo de países asiáticos é igualmente incrível, os quais nos últimos anos se tornaram cada vez mais popular. São países do Sudeste da Ásia: Tailândia, Camboja, Vietnã, Singapura, etc. Vamos descobrir as razões de sua popularidade e os principais destinos que dever visitar na viagem ao Sudeste Asiático.

1. Porque dever viajar para o Sudeste Asiático

Para turistas da Europa, dos país tais como: França, Alemenha, Espanha e Itália, Sudeste Asiático é familiar demais para eles. Até mesmo que muitos deles vieram para o Sudeste da Ásia pela segunda e terceira vez. Em contrário, para os brasileiros, essa região ainda é estranha (talvez por causa da distância J). Mas é por isso que acho que você deveria vir aqui uma vez na vida. Os país do Sudeste da Ásia possuem cultura rica, costume diverso, estilo de vida tradicional que é ainda preservado, culinária por excelência, natureza maravilhosa e pessoas interessantes. Vem lá você terá experiências únicas e memoráveis.

2. Quantos dias é suficiente para viagem ao Sudeste Asiático

Porque o tempo de vôo do Brasil para o Sudeste Asiático é muito longo (pelo menos um dia), eu recomendo que você tente combinar vários países na sua viagem. Além disso, você deve ir apenas aos destinos principais de cada países para obter uma visão geral da região. Para ir aos 3 dos 7 países que eu recomendo abaixo, você precisa de pelo menos 15 dias. Para explorar todos os 7 países, a viagem leva pelo menos um mês. Portanto, se você pretende viajar para o Sudeste da Ásia, planeje com antecedência.

3. Os pricipais destinos

3.1. Singapura

Leia mais: Guia de viagem a Singapura para mochileiros em 4 dias 3 noites

Viagem ao Sudeste Asiático: Singapura

Singapura é uma cidade-estado insular situada ao sul da Malásia. Seu território consiste em uma ilha principal e 58 outras ilhotas. Com uma área cerca de 720km2, esse pequeno país tem uma incrível taxa de crescimento, e agora é o mais desenvolvido do Sudeste Asiático. Inglês e chinês são os dois idiomas mais usados aqui.

Em Singapura, há uma mistura de muitas culturas, principalmente chinesa e indiana, o que torna a rica cultura deste lugar. Experimente a diversidade cultural do país, passeando em Little India ou passando pelas lojas da China Town. Além disso, em Singapura, o tradicional e o moderno coexistem. Você pode facilmente encontrar um templo com arquitetura antiga entre arranha-céus.

A rápida urbanização de Singapura significam que ele perdeu 95% de suas florestas históricas. Para melhorar a qualidade de vida, em 1967, o governo decidiu transformar Singapura em uma “cidade-jardim”. Desde então, quase 10% das terras de Cingapura foram reservadas para parques e reservas naturais. Saia um pouco da cidade e você encontrará muitas trilhas para caminhada, passarelas nas copas das árvores, abundância de vida selvageme a jóia verde da cidade – o Jardim Botânico de Singapura.

3.2. Camboja

Leia mais: Viagem para o Camboja 2020: As informações mais úteis

Siem Reap

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Asiatica Travel Portuguese (@asiaticatravel_portuguese) on


Siem Reap é um dos destinos indispensáveis na vigaem ao Sudeste Asiático. A cidade turística mais famosa no noroeste do Camboja é mundialmente conhecida por o Patrimônio Mundial da Humanidade – Angkor Wat, além de um enorme complexo de edifícios de Angkor construídos no século IX. Issos também são as principais atrações de Siem Reap. Algumas relíquias distintas e bem conhecidas como: Angkor Thom, Bayon, Baphoun, Banteay Srei, Ta Prohm, etc. As ruínas de Angkor, intactos ou não, carregam em si o hálito antigo e histórico.

Phnom Penh

Melhor época para visitar o Camboja 2

Phnom Penh é a capital, a cidade mais populosa e o principal centro financeiro, corporativo, econômico e político do Camboja. Outrora conhecida como a “Pérola da Ásia”, era considerada uma das mais belas cidades francesas da Indochina na década de 1920. Esta é uma cidade vibrante e movimentada com muitos locais turísticos interessantes. Ao lado do Palácio Real, do Pagode de Prata, do Museu Nacional, do Museu do Genocídio Toul Sleng, dos Campos de Matança Choeng Ek e Wat Phnom, existem vários mercados que vendem esculturas, pinturas, seda, prata, jóias e até antiguidades.

3.3. Vietnã

Leia mais: Viajar para Vietnã 2020: As informações essenciais que deve saber

Hanói

Viagem ao Sudeste Asiático: Hanói

Hanói, localizado no norte do Vietnã, é uma das capitais mais antigas do mundo. A cidade também é o centro político e económico, bem como o berço da cultura e história do país. Os viajantes podem encontrar edifícios coloniais bem preservados, pagodes antigos e museus exclusivos dentro do centro da cidade. Hanói também é conhecida por sua culinária deliciosa, vida noturna vibrante, sedas e artesanato. Como outros destinos turísticos da Ásia, a cidade está passando por rápidas mudanças. Nos últimos anos, o número de restaurantes e hotéis cresceu consideravelmente, para atender o crescente número de turistas ano a ano.

Halong Bay

Baía de Ha Long
A Baía de Ha Long

Halong Bay (Baía de Halong) é uma bela maravilha natural na província Quang Ninh, no norte do Vietnã. A baía possui uma área de cerca de 1.500 km2, incluindo cerca de 1.600 ilhas e ilhotas que passaram por 500 milhões de anos de formação em diferentes condições e ambientes. Esta área extraordinária é o Patrimônio Mundial declarado pelo UNESCO. A melhor maneira para apreciar toda a sua beleza é participar num cruzeiro pela baía. Desfrutar de um jantar romântico no barco e assistir o nascer do sol no mar certamente será uma experiência inesquecível para muitos visitantes.

Hue

Viagem ao Sudeste Asiático: Hue

Hue é uma das cidades mais charmosas da região central do Vietnã. Esta parte do Vietnã tem uma história longa e ilustre, pois costumava ser a capital real do país durante a Dinastia Nguyen, de 1802 a 1945. Hue tem seu charme em parte à sua localização no rio Perfume, sendo mais pitoresca em um dia claro. As pessoas vêm a Hue para descobrir a história de antigas muralhas da Cidadela Imperial e dos Túmulos Reais, além de apreciar a quintessência da cozinha do Centro do Vietnã.

Hoi An

Hoi An
Hoi An

A Cidade Antiga de Hoi An, ou simplesmente Hội An, é um exemplo de um porto comercial do Sudeste Asiático que é excepcionalmente bem-preservado. Construídos dos séculos XV a XIX, os seus edificios e ruas combinam as influências indigenas e estrangeiras, o que criar esta mágnifica cidade. A cidade antiga de Hoi An é um lugar encantador para passar alguns dias, com seu rio, amarela-mostarda casas  e praias a alguns quilômetros de distância.

Cidade de Ho Chi Minh (Saigon)

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Asiatica Travel Portuguese (@asiaticatravel_portuguese) on


Cidade de Ho Chi Minh (nome antigo é Saigon) é a cidade mais populosa e o centro comercial e financeiro do Vietnã. Além disso, a cidade é um destino turístico popular devido à sua cultura fascinante, arquitetura clássica do estilo francês e arranha-céus elegantes, além de templos e pagodes ornamentados. Em Saigon, os viajantes podem encontrar vários bares na cobertura com vista para cidade e uma variedade de restaurantes fantásticos que oferecem uma combinação de culinária francesa, chinesa e, claro, local do Vietnã.

3.4. Tailândia

Leia mais: As informações gerais para sua viagem a Tailândia (Parte 1) (Parte 2)

Bangkok

Viagem ao Sudeste Asiático: Bangkok

Um dos destinos principais na viagem ao Sudeste Asiático, Bangkok é a capital e a cidade mais populosa da Tailândia. Essa famosa cidade cativou os visitantes durante séculos com uma vida vibrante nas ruas, palácios reais magnifícios e templos budistas icônicos. Além disso, Bangkok também é um paraíso culinário para quem gosta de gastronomia. Vários pontos turísticos, vida noturna dinâmica e uma variedade de produtos com boa qualidade e bons preço são adequados para todos os tipos de viajantes em qualquer tipo de orçamento.

Chiang Mai

Viagem ao Sudeste Asiático: Chiang Mai

Situado 700km ao norte de Bangkok, Chiang Mai é a maior cidade do norte da Tailândia. A cidade apresenta uma atração oposta com a capital tailandesa. Em vez de uma urbana asfixiada pelo tráfego, os viajantes encontram um centro pitoresco, onde o ar é limpo e o clima é ameno. Essa parte do país é famosa por ser uma parada para caminhadas, trekking e encontros verdadeiros com tribos locais da montanhas. No entanto, Chiang Mai em si tem seu próprio apelo, com um equilíbrio perfeito entre tradição e modernidade, entre história e presente.

Chiang Rai

Viagem ao Sudeste Asiático: Chiang Rai

Chiang Rai é uma cidade sonolenta, com uma atmosfera agradável. Comparado ao seu vizinho, Chiang Mai, a cidade oferece uma sensação mais relaxada, mas nunca falta de suas únicas atrações históricas e culturais. Vale a pena conhecer esta cidade pequena e agradável, com sua atmosfera pacífica, boa comida local e acomodações de bom valor. Mas, ao contrário de Chiang Mai, a cidade oferece pouca diversidade em vida noturna, entretenimento e compras. A maioria delas está concentrada na área ao redor da Torre do Relógio.

As praias tailandesas

melhores-lugares-para-viajar-a-tailandia-koh-phi-phi
Uma praia deslumbrante das ilhas de Koh Phi Phi

Concentrado no sul da Tailândia, as praias tailandesas são famosas por sua água cristalina, areia branca, bem como céu azul, claro e ensolarado. Na mente de muitas pessoas, referir-se à Tailândia é referir-se às praias que parecem ter se tornado num símbolo do turismo do país. As praias mais conhecidas da Tailândia são: Phuket, Koh Samui, Ko Phi Phi, Ko Lanta, Railay Beach, etc. Além disso, uma série de hotéis, restaurantes e atividades aquáticas cresceram rapidamente, contribuindo para promover o turismo marítimo da Tailândia.

3.5. Laos

Leia mais: Um relance de Laos – a terra menos conhecida na Ásia

Luang Prabang

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Asiatica Travel Portuguese (@asiaticatravel_portuguese) on


Luang Prabang é uma cidade no norte do Laos Central, composta por 58 aldeias adjacentes, 33 das quais compõem o Patrimônio Mundial da Cidade de Luang Prabang da UNESCO. Os destinos natural famosos são: Cachoeiras de Kuang Si, Cataratas Tat Sae e Cavernas de Pak Ou. Monte Phou Si, no centro da cidade, oferece amplas vistas da cidade e dos sistemas fluviais e é um local popular para assistir o pôr do sol sobre o rio Mekong. Na cidade, há mercados noturnos cujas barracas vendem camisas, pulseiras e outras lembranças. O Museu do Palácio Real de Haw Kham e o Templo de Wat Xieng Thong estão entre os locais históricos mais conhecidos.

Vientiane

Viagem ao Sudeste Asiático: Vientiane

Vientiane é a capital e a maior cidade do Laos, nas margens do rio Mekong, perto da fronteira com a Tailândia. Embora ainda seja uma cidade pequena, a capital atrai muitos turistas. Vientiane é conhecida como a casa do monumento nacional mais significativo do Laos: Pha That Luang, que é um símbolo conhecido do país e um ícone do budismo no Laos. Outro destino que também é popular entre os turistas é o monumento memorial Patuxai, que foi inspirado do Arco do Triunfo da França.

3.6. Indonésia

Bali

Viagem ao Sudeste Asiático: Bali

A viagem ao Sudeste Asiático sem Bali é uma enorme omissão. Bali é o principal atração da Indonésia e um dos destinos turísticos mais populares do mundo. Esta ilha que é conhecida como a “Ilha dos Deuses” é um dos lugares mais bonitos do mundo. Cercado por mares azuis e praias douradas, Bali é, obviamente, o paraíso dos surfistas. Assim como mar e areia, porém, Bali tem um grande número de outras atrações para desfrutar, como templos, cavernas, cachoeiras, museus e mercados.

3.7. Myanmar (Birmânia)

Leia mais: A Melhor Guia de Viagem para Myanmar

Yangon

guia-de-viagem-nyanmar-2

Yangon, anteriormente conhecida como Rangun, é a maior cidade de Myanmar (também conhecida como Birmânia). Com mais de 7 milhões de pessoas, a cidade é a cidade mais populosa e o centro comercial mais importante do país. A cidade também abriga o pagode dourado de Shwedagon – o pagode budista mais sagrado de Mianmar. Yangon sofre de infra-estrutura profundamente inadequada, especialmente em comparação com outras grandes cidades do sudeste da Ásia. Embora muitos edifícios residenciais e comerciais históricos tenham sido reformados em todo o centro de Yangon, outras partes da cidade ainda carecem de infraestrutura básica.

Bagan

Viagem ao Sudeste Asiático: Bagan

Bagan (às vezes escrito por Pagan) é uma cidade antiga e um Patrimônio Mundial da UNESCO localizado em Myanmar. Esta cidade dos templos é uma das principais atrações do país, possuindo cerca de 2.000 de templos espalhados pelas uma vasta planície. Esse é o testemunho mais impressionante da devoção religiosa do povo de Mianmar ao longo dos séculos. Bagan não é um destino de vida noturna como Siem Reap ou mesmo Luang Prabang, por isso a vida noturna aqui é bastante chata.

Mandalay

guia-de-viagem-myanmar-8

Localizado na margem leste do rio Irrawaddy, Mandalay é a segunda maior cidade de Myanmar, depois de Yangon. Foi a capital real final da Birmânia antes da anexação do Império Britânico em 1885. Hoje, Mandalay é o centro econômico de Upper Myanmar (incluindo Mandalay e sua área ao redor) e o centro da cultura birmanesa. Algumas atrações turísticas famosas de Mandalay: Mandalay Hill, Palácio Mandalay, Mosteiro Shwenandaw, Templo Mahamuni, Pagode Kyauktawgyi, Pagode Hsinbyume, etc.

Se você gostou deste artigo, deixe um comentário ou compartilhe comigo sobre sua viagem ao Sudeste Asiático.

Tags
Show More

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Back to top button
Close
Close